Avançar para conteúdo

Tudo para WordPress

Plugins, Temas, dicas de WordPress e muito mais para você que busca informação sobre este excelente CMS!

  • Twitter
  • Facebook
  • Google+
  • RSS
Entenda com funciona Assine nosso RSS

Soluções práticas para Conteúdo Duplicado

Publicado em 07/02/2012 às 22h20 por Guga Alves

Este artigo é a conclusão de nossa série de artigos sobre Conteúdo Duplicado, confira os artigos que o antecedem:


 

Vejamos neste artigo algumas soluções práticas para conteúdo duplicado.

conteúdo duplicado

Uma vez decido qual URL é a URL canônica para o seu conteúdo, você tem que iniciar um processo de canonização. Isso basicamente significa que temos que deixar o mecanismo de busca apenas encontre a versão canônica de uma página o mais rapidamente possível. Existem basicamente quatro métodos de resolução do problema, em ordem de preferência:

  1. Não criando conteúdo duplicado
  2. Redirecionando o conteúdo duplicado para a URL canônica
  3. Adicionando um elemento de ligação canônica para a página duplicada
  4. Adicionando um link na página HTML duplicado à página canônica

Evitando conteúdo duplicado

Algumas das causas citadas em Conteúdo Duplicado e suas Causas tem correções muito simples:

ID da sessão em sua URL’s?

Estas muitas vezes podem ser apenas desativadas nas configurações do seu sistema. No WordPress, não temos este problema.

Ter páginas duplicadas para impressão?

Completamente desnecessário: você deve usar apenas uma folha de estilo (CSS) de impressão.

Usando a paginação comentário no WordPress?

Este recurso pode ser desativado (em Configurações -> discussão) em 99% dos sites, ou se você preferir você pode bloquear tais páginas no robots.txt e com algumas linhas de programação adicionar noindex nestas páginas também.

Parâmetros em uma ordem diferente?

Informe o seu programador para criar um script para sempre para os parâmetros na mesma ordem (esta é muitas vezes referida como uma fábrica de URL chamada).

Links trackeados?

Você pode bloquear *?* no robots.txt para evitar que tais urls sejam indexadas. Url canônica também lhe ajudará nisso

WWW vs sem-WWW?

Escolha uma e ficar com ela, redirecionando de uma para a outra. Você também pode definir uma preferência no Google Webmaster Tools.

301 Redirecionando Conteúdo Duplicado

Em alguns casos é impossível impedir totalmente que o sistema que voc ê está usando crie URLs erradas para o conteúdo, mas às vezes é possível redirecioná-los. Tenha isso em mente ao falar com os desenvolvedores. Além disso, se você se livrar de algumas das questões de conteúdo duplicado completamente, certifique-se que você redirecionar todas as URL antiga conteúdo duplicado para as URLs apropriadas canônico.

Usando rel = “canonical”

Às vezes você pode não querer ou não consegue se livrar de uma versão duplicada de um artigo, mas você sabe qual é a URL errada. Para essa questão específica, os mecanismos de busca introduziram o elemento canonical. Seu uso é simples, é colocada na seção do seu site da seguinte forma:

<link rel=”canonical” href=”http://example.com/keyword-x/”/>

Em href você deve colocar a URL correta do artigo, aquela que deve ser considerada a URL original do artigo. Quando o Google (ou qualquer outro mecanismo de busca que a suporta) encontra esse elemento, faz o que é basicamente um redirecionamento 301 “disfarçado”: transfere a maior parte do valor do link dessa página para sua página canônica, sua página original.

Este processo é um pouco mais lento que o redirecionamento 301, porém, assim se você pode indicar um redirecionamento que seria preferível, como mencionado por John Mueller, do Google.

Linkando de volta para o conteúdo original

Se você não pode fazer qualquer aplicação exposta acima, possivelmente porque você não tem acesso a seção do site, acrescentar um link para o artigo original na parte superior ou inferior ao artigo é sempre uma boa idéia. Isso pode ser algo que você quer fazer no seu feed RSS: adicione um link para o artigo na mesma. Alguns copiadores de conteúdo irão retirá-lo, mas alguns outros podem deixá-lo e, se o Google encontra vários links apontando para o seu artigo vai descobrir em breve que essa é a versão original do artigo.

Conclusão: O conteúdo duplicado é “fixável”, e deve ser corrigido

Conteúdo duplicado acontece em toda parte. Ainda estou para encontrar um site com mais de 1.000 páginas que não tem pelo menos uma pequeno problema de conteúdo duplicado. É algo que você precisa manter os olhos em todos os momentos. Tem correção e as recompensas podem ser abundantes. Seu conteúdo de qualidade pode subir no ranking apenas por se livrar de conteúdo duplicado no seu site. Claro, se você precisar de ajuda com a identificação dessas questões, ajudando os desenvolvedores chegar a soluções para seus problemas de conteúdo duplicado ou mesmo resolvê-los para você, você sempre pode entrar em contato :)

2 pessoas comentaram o artigo

  • iran comentou em 27 de janeiro de 2015.

    Eu utilizo o webmaster tools do Google para melhorar minhas postagens e paginas.

    Tem um ganho excelente nas melhorias.

    Responder esse usuário

Participe e deixe o seu comentário!

Procurando Temas?

Acesse o arquivo de Temas WordPress