Deixe seu site WordPress mais limpo e mais rápido

Você anda achando que seu site demorra a carregar ou está vendo que o seu tema está com algum comando que tem o causado problemas ?

Siga estas dicas e faça uma faxina em seu código, deixando-o mais enxuto, mais limpo, e diminuindo assim o número de requisições feitas ao  servidor.

1. Dê uma faxina em seu tema

header.php

Primeiro: o que vamos fazer aqui é diminuir o número de requisições feitas no cabeçalho de seu site.

Como os temas são feitos de forma que sejam de fácil distribuição, contando com poucas alterações por parte dos usuários menos especializados em edição de códigos html e php, eles normalmente pegam todas as especificações do site lendo o banco de dados. Isso resulta em várias requisições desnecessárias durante o seu carregamento. Alguns exemplos foram retirados do tema padrão do WordPress:

<html xmlns=”http://www.w3.org/1999/xhtml” <?php language_attributes(); ?>>
<head profile=”http://gmpg.org/xfn/11″>
<meta http-equiv=”Content-Type” content=”
<?php bloginfo(‘html_type’); ?>;
charset=<?php bloginfo(‘charset’); ?>” />

Você pode resumir o código acima para trabalhar da seguinte forma:

<html xmlns=”http://www.w3.org/1999/xhtml” dir=”ltr”>
<head profile=”http://gmpg.org/xfn/11″>
<meta http-equiv=”Content-Type” content=”text/html; charset=UTF-8″ />

Com isto, você estará removendo 3 requisições feitas ao servidor que vão retornar sempre o mesmo resultado.

Você pode também:

  • Indicar o caminho de sua stylesheet (de seu css) estaticamente
  • Indicar sua URL de pingback estaticamente
  • Indicar sua URL de feeds estaticamente
  • Remover a metatag que indica a versão do WordPress
  • Indicar o nome do site e descrição estaticamente

Fazendo tudo isso, você pode remover 11 requisições ao banco de dados, e isso pode acelerar o tempo de carregamento de sua página

footer.php

Grande parte dos temas também fazem requisições no rodapé que podem ser alteradas para seus caminhos estáticos.

Geralmente, um rodapé de tema pode fazer as seguintes requisições:

  • Nome de seu blog
  • Endereço (URL) de seu Feed RSS
  • Endereço (URL) de seu Feed RSS de Comentários

Vamos a Próxima página !

Compartilhe o artigo com um colega!
Imagem padrão
Guga Alves
Analista de Sistemas, Pós graduado em Marketing Digital e idealizador dos sites Tudo Para WordPress e Remotamente. Possuo sólidos conhecimento de SEO, já trabalhei no maior projeto feito com WordPress no mundo, o WordPress.com e palestrei em diversos eventos como Campus Party e WordCamp Porto Alegre, São Paulo, Florianópolis, Fortaleza e Belo Horizonte. Organizador do WordCamp Rio de Janeiro 2014 e 2015.
Artigos: 274

7 comentários

    • Rodrigo,

      não costumo adicionar as pessoas daqui no msn para prestar suporte. Se eu começar a fazer isso, não terei tempo de fazer outra coisa na vida.. rsrs..

      E é melhor usar os comentários para isso pois sempre aparecem pessoas com as mesmas dúvidas, é bom tê-las escritas em algum lugar :)

      Abraços

  1. Gostei do teu artigo. Parabens pelo mesmo.
    Gostava tambem de ver alguns artigos teus no forum-dinheiro
    Continuação de boa escrita e mais uma vez parabens pelo bom trabalho.
    Cumprimentos

Deixe uma resposta