Corrigindo o erro ‘Allowed memory size Exhausted’ no WordPress

Um pequenho hackzinho que pode ajudar aqueles que passaram pelo mesmo problema que passamos por aqui. Ao atualizar nosso site para o WordPress 2.8 (após um lógico backup de tudo), a seção administrativa do site apresentava a seguinte mensagem de erro:

Fatal error: Allowed memory size of 33554432 bytes exhausted (tried to allocate 2348617 bytes) in …

Como o próprio erro menciona, o problema aconteceu pois o limite de memória do servidor (32 MB) foi alcançado, faltando assim memória disponível para carregar corretamente os arquivos do sistema. Isso normalmente ocorre quando temos muitos plugins ativos, consumindo a memória do servidor. Tal erro pode vir a acontecer também quando o usuário estiver usando plugins em excesso em sua instalação WordPress.

Mas tudo bem, caso enfrente este problema, siga uma das duas dicas abaixo, uma delas resolverá seu problema!

Dica 1 – Método mais simples:

Adicione a linha abaixo no arquivo /wp-config.php

define(‘WP_MEMORY_LIMIT’, ’64M’);

Dica 2 – Método mais longo:

Adicione a linha abaixo no arquivo /wp-includes/cache.php imediatamente após a abertura da tag <?php :

ini_set(‘memory_limit’,’64M’); // set memory to prevent fatal errors

Depois disso,  crie um arquivo .htaccess com o código abaixo e o insira na pasta wp-includes:

# set memory limit for cache.php php_value memory_limit 64M

Finalmente, crie um arquivo php.ini e o coloque também no diretório wp-includes:

;; set memory limit for cache.php memory_limit = 64M

E pronto.. salve tudo, faça o upload dos arquivos e tente novamente entrar no admin de seu site.

Infelizmente, esta dica não funcionará sempre, dependerá muito das configurações de seu servidor.. mas mesmo assim, vale a pena tentar !

Compartilhe o artigo com um colega!
Imagem padrão
Guga Alves

Analista de Sistemas, Pós graduado em Marketing Digital e idealizador dos sites Tudo Para WordPress e Remotamente.
Possuo sólidos conhecimento de SEO, já trabalhei no maior projeto feito com WordPress no mundo, o WordPress.com e palestrei em diversos eventos como Campus Party e WordCamp Porto Alegre, São Paulo, Florianópolis, Fortaleza e Belo Horizonte.
Organizador do WordCamp Rio de Janeiro 2014 e 2015.

Artigos: 274

57 comentários

  1. Qual a solução para esse erro, já aumentei o limite da memória do wp-config.php e mesmo assim o erro aparece.

    Fatal error: Allowed memory size of 262144 bytes exhausted (tried to allocate 19456 bytes) in /home/content/02/11673002/html/wp-includes/functions.php on line 1140

    Fico muito grato se puder me ajudar

  2. Olá Guga, segui sua receita à risca. Acredito que estatiscamente entrei no grupo dos que não conseguiram fazer funcionar. Faltou sorte … rs. Tenho um backup de tudo o que havia feito antes dessa tentativa de instalação do WooCommerce. Tem idéia de como devo proceder para subir esse backup [inclusive com todas as fotos dos produtos?] Pois da última vez que isso me aconteceu, perdi todas as imagens dos produtos [mais de 250]. Obrigado.

    • Esse tipo de coisa depende muito de como o servidor da empresa de hospedagem que você usa está configurado, então acontece mesmo de não funcionar para alguns e é um caso que só realmente mexendo, botando a mão na massa, se consegue ajudar :(

  3. Agradeço por ter compartilhado estas informações conosco. Queria deixar registrado, que no meu caso específico não estava funcionando. Alterei de 64M para 128M e funcionou! Então, caso não funcione, vale a pena testar isso também.

  4. Fala ai grande Guga.
    Cara, de inicio eu não consegui mais o erro estava na aspas, eu copiei e colei no notepad++ e ele não as reconheceu, porém após ajustá-las na mão foi só subir o arquivo novamente, eu utilizei a opção 1.
    Parabéns pelo site.

  5. Fiz tudo o que este post diz, mas o problema continuou. Então me lembrei que tinha alterado o meu tipo de hospedagem para Linux, entrei no Painel de Controle do meu servidor de hospedagem e retornei a plataforma para Windows e tudo voltou ao normal. Parece que este problema está relacionado à plataforma Linux.

    • Frederico, é exatamente o contrário.
      O WordPress funciona muito melhor em plataforma Linux, plataforma Windows é bem mais problemático para isso, portanto não tem qualquer relação com a plataforma Linux, mas as configurações do seu host. Se com esta dica não funcionou, é por causa de alguma configuração de lá que impede esta manipulação.

Deixar uma resposta