Backlinks

Um backlink (também conhecido como inbound link, incoming link, entre outros) é simplesmente um link de um site para outro.

Mecanismos de busca como o Google usam os backlinks como um fator de posicionamento nos resultados de busca porque quando um site é vinculado a outro, isso significa que eles acreditam que o conteúdo é digno de nota (pense nisso como votos de confiança que um site recebe). Os backlinks de alta qualidade (de sites de maior autoridade) podem ajudar a aumentar a posição de classificação e a visibilidade de um site nos resultados dos mecanismos de pesquisa (SEO).

Por que os backlinks são importantes?

Backlinks são especialmente valiosos para SEO porque representam um “voto de confiança” de um site para outro.

Em essência, os backlinks para seu site são um sinal para os mecanismos de pesquisa que outras pessoas atestam seu conteúdo como algo de qualidade. Se muitos sites apontam para a mesma página ou site, os mecanismos de pesquisa podem inferir que vale a pena vincular o conteúdo e, portanto, também vale a pena aparecer em uma SERP (Search Engine Results Page, a página em que os resultados da pesquisa do mecanismo de busca são apresentados). Portanto, ganhar esses backlinks pode ter um efeito positivo na posição de classificação de um site ou na visibilidade da pesquisa.

Ganhando e criando backlinks

Ganhar backlinks é um componente essencial do SEO. O processo de obtenção desses links é conhecido como link building.

Alguns backlinks são inerentemente mais valiosos que outros. Os backlinks vindos de sites confiáveis ​​e populares de alta autoridade são considerados os backlinks mais desejáveis ​​para obter, enquanto os backlinks de sites potencialmente spam e de baixa autoridade geralmente estão no outro extremo do espectro. Links podem ser do tipo follow (também conhecido como dofollow) ou nofollow (ou seja, se o proprietário de um site instrui especificamente os mecanismos de pesquisa para seguir ou não estes links, te dando um voto de confiança ou não) e isso é certamente relevante, mas links nofollow não descartam completamente o valor dos links. Mesmo apenas sendo mencionado em sites de alta qualidade isso pode impulsionar sua marca.

Assim como alguns backlinks que você ganha são mais valiosos que outros, os links criados para outros sites também diferem em valor. Ao vincular a um site externo, as escolhas que você faz em relação à página da qual você vincula (autoridade da página, conteúdo, acessibilidade do mecanismo de pesquisa e assim por diante) o texto âncora usado neste link, se você segue ou não o link, e quaisquer outras meta tags associadas à página de vinculação podem ter um forte impacto no valor que você confere.

Existem dois tipos básicos de backlinks, follow e nofollow, e um é mais valioso que o outro. Vamos dar uma olhada rápida em cada uma delas e como elas afetam/beneficiam seu site.

Tipos de Backlinks

Links Nofollow

Links com a tag Nofollow dizem aos mecanismos de pesquisa para ignorar um link. Eles não passam nenhum valor de um site para outro. Portanto, normalmente eles não são úteis diretamente para melhorar sua classificação ou visibilidade de pesquisa, mas para os mecanismos de busca é normal todos os sites terem uma boa quantidade de links nofollow, e isso mostra que muitos desses links foram criados organicamente por outros sites sem a sua intervenção direta (o que pode ser bom para mostrar que você não está pagando para obter links por ai, o que vai contra as diretrizes de qualidade do Google).

Anatomia do link Nofollow
<a href="https://seusite.com.br" rel="nofollow">texto âncora aqui</a>

Links Follow (ou DoFollow)

Links Follow são o tipo de backlink que todos desejam. Lembre-se de que aqueles provenientes de sites respeitados têm mais valor. Esse tipo de backlink pode ajudar a melhorar sua classificação nos mecanismos de pesquisa.

No entanto, existem links dofollow considerados ruins ou “tóxicos”. Esses links são provenientes de sites suspeitos, de baixo conteúdo ou spam, e estes não são nada interessantes de ter ou tentar conseguir.

Isso pode levar o Google a penalizar ou até a desindexar seu site. Lembre-se, não se trata da quantidade de backlinks, mas da qualidade que faz a diferença na classificação.

Anatomia do link Dofollow
<a href="https://seusite.com.br">texto âncora aqui</a>

No novo editor de blocos do WordPress, ao digitar seu texto você deve primeiro selecionar a palavra onde quer adicionar o link.

Selecione o texto e clique no botão Link (ou aperte Control +K no Windows, Command + K no Mac)

Uma vez clicando no botão Link, você poderá adicionar a URL que quiser no link.

Digite o endereço e selecione “Abrir em uma nova aba” caso não queira que saiam desta página ao clicar no link, o abrindo em outra aba do navegador.

Note que todos os links criados serão links follow, e o atual editor de blocos do WordPress não oferece nenhum atalho para adicionar o nofollow em links caso você precise o fazer. A solução então é editar tal bloco como HTML e o fazer manualmente:

Clique nos três pontos na barra de ferramentas do bloco e selecione Editar como HTML

Feito isso, na parte do código onde diz rel=””, adicione nofollow ali, ficando rel=”nofollow”.

Se já tiverem outros valores ali, adicione o no follow após eles. No exemplo abaixo, como o link foi criado para abrir em outra página já existem os valores noreferrer e noopener adicionados no atributo REL por padrão, deixe eles ali e adicione o nofollow depois.

Adicione nofollow no atributo REL

Estratégias de Link Building

Este é um assunto extenso e com uma profundidade bem grande, então o ideal é ler algum guia criado por empresa totalmente focada em SEO, como a Moz.com. Aconselho ler o Guia de Link Building para iniciantes (em inglês) para ter uma visão mais aprofundada sobre o assunto, mas iremos compartilhar alguns insights aqui.

O primeiro ponto a pensar é entender que o centro de qualquer campanha de link building está o ativo que será usado para estimular que criem estes links para você. Estes ativos serão sempre algum conteúdo criado em seu site, seja nos mais diversos formatos que você puder criar (posts em um blog, infográficos, serviços, entrevistas, dados de mercado, ferramentas, templates, quiz, checklists, etc).

Fiz um post sobre isso no Instagram que fez bastante sucesso, tendo alcançado mais de 600 curtidas em um curto período de tempo.

View this post on Instagram

Compartilhei esse mapa mental com 2 amigos que tem sites e vou compartilhar a dica com vocês aqui também, vivo a fazer mapas mentais de estratégias, livros que leio, etc, e ainda farei uns vídeos aqui sobre isso. Essas são algumas estratégias que você pode utilizar como iscas digitais em seus projetos. Como iscas digitais, entende-se por conteúdos de alta qualidade (premium) que atendem os anseios e desejos do público em seu nicho. Você pode dar algumas delas de graça em seu site (como os infográficos), ou ter uma Landing Page onde os visitantes poderão preencher seu nome e email para receber tais conteúdos, assim você sabe quem gosta daquilo e tem o contato direto deles podendo assim oferecer outros produtos ou serviços relacionados a tal assunto tendo mais garantias de que está falando com o público certo. Para as Landing pages e email marketing vocês podem escolher entre várias plataformas como RD Station, da @resdigitais, Mailchimp (@mailchimp), Unbounce (@unbounce – Landing Page apenas, mas se integra com outras plataformas de email marketing) entre outras. Gostou da dica? Marque um amigo que gostaria de ler sobre isso nos comentários, ajude a divulgar conteúdo de qualidade e sinta-se à vontade para perguntar o que quiser! #marketingonline #marketingstrategy #socialmediamarketing #digitalmarketing #socialmedia #marketing101 #marketingplan #marketingsocial #onlinemarketing #contentmarketing #internetmarketing #marketingdigital #marketing #emailmarketing #iscasdigitais #iscadigital #landingpage #rdstation #mailchimp #estrategiadigital #estrategiademarketing #rdstation #unbounce #marketingdeconteudo

A post shared by Guga Alves (@gugaalveswp) on

Uma vez criados tais ativos, tais iscas digitais, uma campanha de link building deverá focar em encontrar sites que falem sobre o nicho de cada conteúdo e pensar em formas de conseguir links nestes sites (entrar em contato diretamente é sempre uma boa, mas comentários em blogs também ajudam a lhe notarem – embora links em comentários sejam sempre do tipo nofollow).

O importante é você pensar em criar conteúdos realmente bons, pois estes são os que se destacam, e não mais do mesmo. Feito isso, redes sociais e anúncios lhe ajudarão a atrair mais leitores e interessados (para ler ou comprar um serviço), e isso ajudará a aumentar o alcance de tais posts e estimularão compartilhamentos e quem sabe que outros donos de sites criem links para seu site.

Como checar que links eu já tenho?

Existem várias ferramentas de monitoramento de backlink que permitem verificar os backlinks do seu site, incluindo o Google Search Console, SEMRush, Ahrefs, Link Explorer, etc.

Se você quer realmente melhorar seu posicionamento em mecanismos de busca, ficar de olho em seus backlinks é muito importante. As Diretrizes para webmasters do Google exigem que você peça aos proprietários de sites tóxicos que removam os links do seu site. Caso contrário, o Google poderá penalizar seu website, e o page rank começará a cair nos resultados de pesquisa.

Portanto, é importante saber como responder a estas três perguntas:

  • Onde posso encontrar todos os meus backlinks?
  • Como posso saber se eles são tóxicos?
  • Como entrar em contato com os proprietários de sites com backlinks tóxicos?

Felizmente, a resposta é fácil com as ferramentas certas.

Você pode usar o Google Search Console para ajudar a expandir seu site e ver seus backlinks, mas isso pode levar muito tempo e é bem limitado ao que ele pode fazer (já que o Google revela apenas uma pequena amostragem dos links que apontam para seu site).

No entanto, existem ferramentas mais rápidas e melhores disponíveis. Por exemplo, usando o SEMrush, você pode responder rapidamente às três perguntas importantes e muito mais.

O SEMrush possui duas áreas principais que lidam especificamente com backlinks. A primeira é a seção Backlink Analytics, que permite estudar seus concorrentes, e a segunda é a área de auditoria de backlink.

Com uma ferramenta como SEMrush, você pode pesquisar palavras-chave, ver os backlinks de seus concorrentes e gerenciar tudo em um local conveniente.

Manter o controle do seu perfil de backlink informa muito sobre o valor do seu site e é uma parte importante da estratégia de SEO do seu site.

Esperamos que este guia tenha ajudado a aprender o que são backlinks e como você pode usá-los para expandir seu site. E seguem aqui algumas referências usadas para criar este artigo: