WordPress 3.1: Nova Linkagem Interna

Quando você está escrevendo uma nova postagem no WordPress e cita algum fato ou notícia já postada, é normal que você deseje linkar esta postagem antiga, seja para direcionar novos visitantes para ela ou para aproveitar palavras-chave e reforçar a linkagem interna de seu site (pensando em SEO). Nessas horas, você tinha o chato trabalho de ter que abrir outra aba no seu navegador, buscar pela postagem, achar o seu link e o colocar no texto-âncora desejado.

Com o WordPress 3.1, você não precisar´mais dar esta volta toda !

A partir desta próxima versão do WordPress, ao inserir ou editar um link, você terá a opção de buscar por postagens antigas e as linkar diretamente da postagem em criação !

 

linkagem interna

Com isso, você terá seu tempo de trabalho otimizado e poderá beneficiar seus visitantes e seu próprio site com uma forma de ligação mais simples entre as matérias.

Para matérias como esta, que está linkada a um post que reúne todas as principais novidades do WordPress 3.1, a linkagem destas matérias seria bem mais rápida e menos trabalhosa :)

Compartilhe o artigo com um colega!
Imagem padrão
Guga Alves
Analista de Sistemas, Pós graduado em Marketing Digital e idealizador dos sites Tudo Para WordPress e Remotamente. Possuo sólidos conhecimento de SEO, já trabalhei no maior projeto feito com WordPress no mundo, o WordPress.com e palestrei em diversos eventos como Campus Party e WordCamp Porto Alegre, São Paulo, Florianópolis, Fortaleza e Belo Horizonte. Organizador do WordCamp Rio de Janeiro 2014 e 2015.
Artigos: 274

4 comentários

  1. Caraca, fantástico.
    Já sentia falta disso há muito tempo no WP.
    O Joomla já faz isso há um tempo, mas essa busca integrada aí por conteúdo parece bem mais legal.

  2. Fabuloso o recurso! Eu utilizava um plugin pra isso e pelo jeito o pessoal do WordPress viu que é uma  mão na roda mesmo.

    A pergunta que fica é se eles utilizarão o engine "pobre" do próprio WordPress. Você sabe algo a respeito Guga?

  3. Fala Ricotta !

    Não sei responder sua pergunta. Tenho um blog no WordPress.com, mas como é apenas para testes ele possui pouquíssimas postagens, o que não ajudou muito na hora de estudar o funcionamento deste recurso.

    Vou esperar a versão beta ser disponibilizada para download para poder testar com mais precisão aqui em localhost :)

    Abraços

Deixe uma resposta