WordPress 5.8 adiciona suporte a imagens WebP

A versão 5.8 do popular WordPress foi lançada no dia 20 de julho de 2021, e com ela todos que tem sites feitos com tal CMS poderão deixar de usar plugins para adicionar suporte a imagens WebP.

Formato de imagem WebP

O WebP é um formato de imagem de última geração adequado para substituir imagens codificadas nos formatos JPG, PNG e GIF. O WebP é capaz de produzir qualidades de imagem superiores em tamanhos significativamente menores.

As imagens sem perdas WebP (ou WebP Lossless images) retêm a qualidade da imagem original enquanto mantêm um tamanho menor, 26% menores do que as imagens originais.

Imagens com perdas (ou Lossy WebP images) são imagens WebP que têm qualidade ligeiramente inferior, mas podem ser compactadas para um tamanho ainda menor e ainda ser mais do que aceitável. As imagens com perda de WebP podem ser 25% a 34% menores do que a imagem original.

O WebP foi anunciado pelo Google como um formato de imagem de licença aberta em 2010. A Internet atingiu um ponto em que o novo formato é compatível com todos os navegadores modernos, e o avanço da popularidade dos smartphones mudaram vertiginosamente a principal fonte de acessos de um site, fazendo a velocidade de carregamento ganhar cada vez mais importância com o passar dos anos.

Demorou um pouco para o WordPress adicionar tal funcionalidade e aceitar nativamente imagens no formato WebP.

A maioria dos navegadores e hosts da web modernos oferecem suporte ao novo formato, e como esta versão do WordPress removeu o suporte ao Internet Explorer 11, foi o momento perfeito para adicionar tal funcionalidade.

Quais detalhes devo me atentar quanto a isso?

Do WordPress versão 5.8 em diante, você pode fazer upload e usar imagens WebP no WordPress como faria hoje em dia com uma imagem JPEG ou PNG (contanto que seu serviço de hospedagem suporte WebP), e a biblioteca de mídias do WordPress as carregará normalmente. Entretanto, note que o formato WebP sem perdas é suportado apenas quando o servidor de hospedagem use a biblioteca Imagick até que LibGD adicione suporte. Além disso, os formatos animados e alfa ainda não são suportados para imagens redimensionadas (imagens com perdas são criadas quando você faz upload nesses formatos).

Como verificar se meu servidor suportará esta funcionalidade?

Para facilitar a vida de todos, a ferramenta de Diagnóstico do WordPress também foi atualizada com novos campos para indicar se sua hospedagem é capaz de oferecer suporte ao formato WebP.

Isso tornará mais fácil para os editores saberem rapidamente se podem aproveitar os novos recursos do WordPress e, se não, solicitá-los de seu provedor de hospedagem na web.

Para verificar, navegue para Ferramentas > Diagnóstico, clique na aba Informação, e depois na seção Manipulação de mídia. Lá, veja se o item Versão do Imagick mostra um número de versão ou a mensagem Indisponível.

Caso esteja indisponível, você deve checar com sua empresa de hospedagem como ativar o Imagick. No caso aqui do TudoParaWP, estava indisponível, mas seguindo as recomendações da minha hospedagem, a Siteground, consegui habilitar seguindo estes passos aqui.

E as imagens que tenho no meu site WordPress, serão convertidas para WebP automaticamente?

Não! Observe que, embora agora você possa fazer upload de suas imagens WebP para o WordPress usando a Biblioteca de mídia, o WordPress não oferece suporte à conversão automática de imagens para o formato WebP (mas isso pode vir a ser incluído em versões posteriores).

Quer dizer, se você fizer upload de uma imagem JPG não otimizada como WebP, ela não será otimizada no momento do upload da imagem!

Para ativar esse recurso de conversão automática em seu site, você precisará de um plugin que execute tal função. Muitos plugins de otimização de imagens, como o EWWW Image Optimizer já oferecem tal funcionalidade, e alguns plugins de cache também.

FAQ com detalhes técnicos (para desenvolvedores).

Como posso ajustar a configuração de qualidade de compactação usada para imagens WebP?

Você pode usar o filtro wp_editor_set_quality para definir a configuração de qualidade. O tipo MIME passado permite a configuração por tipo, por exemplo:
// Use a quality setting of 75 for WebP images.
function filter_webp_quality( $quality, $mime_type ) {
if ( 'image/webp' === $mime_type ) {
return 75;
}
return $quality;
}
add_filter( 'wp_editor_set_quality', 'filter_webp_quality', 10, 2 );

Se eu usar o WordPress multisite, todos os meus sites funcionarão com imagens WebP?

Não! O Multisite armazena os tipos de arquivo que os usuários têm permissão para enviar quando um site é criado. A equipe do WordPress já está trabalhando para melhorar isso e você pode ler sobre isso no ticket #53167. Enquanto isso, para garantir que todos os sites existentes em uma rede permitam arquivos WebP, você pode usar o filtro site_option em um plugin criado por você e adicionado na pasta mu-plugins para adicionar webp aos tipos de arquivo permitidos para todos os sites da rede:

// Ensure all network sites include WebP support.
add_filter(
'site_option_upload_filetypes',
function ( $filetypes ) {
$filetypes = explode( ' ', $filetypes );
if ( ! in_array( 'webp', $filetypes, true ) ) {
$filetypes[] = 'webp';
$filetypes = implode( ' ', $filetypes );
}
return $filetypes;
}
);

Sistema atualizado, todos saem ganhando!

Este anúncio é importante porque mostra que a equipe do WordPress continua a se concentrar em ajudar a todos a terem sites com maior performance e alinhado as boas práticas de otimização por parte do sistema.

São esses tipos de melhorias que mantêm o WordPress na vanguarda dos sistemas de gerenciamento de conteúdo.

Deixe uma resposta